Luana Olíveira

O vazio das redes sociais

Publicado em 04 de jun de 2021
Translate: English | Français | Română

O Facebook e o Twitter estão cada vez mais abarrotados de discursos de ódio e militância enquanto no mínimo 99% do conteúdo do Instagram é de autoajuda, frases de efeito pra te vender algo em seguida, vidas artificialmente felizes, artistas flopados, pragas influenciadoras e 1% é de um ou outro assunto levemente aproveitável mas com aquele saborzinho artificial característico das redes sociais.

Então penso que quando uma pessoa que se julga inteligente pensa em usar as redes sociais pra vender algo (porque no fim sempre se trata de vender algo ainda que camuflado), então essa pessoa na verdade só quer lucrar com a ignorância alheia ou busca um público realmente superficial.

É importante recalcular a rota e saber onde o seu público-alvo foi parar. Ele ainda está nas redes sociais ou são consumidores exigentes que buscam algo realmente de valor? Landing pages ainda funcionam? Captura de e-mails oferecendo PDF gratuito pra depois oferecer um produto pago ainda vale a pena? Eu sinceramente acho que não.

Acho que as redes sociais cairão cada vez mais no desgosto do grande público e a venda de produtos online não vai mais convencer facilmente as pessoas, simplesmente porque tudo hoje na internet funciona conforme esse roteiro e gerou um cansaço nessa estratégia de marketing.

Eu continuo acreditando que quanto menos tempo passamos nas redes sociais mais podemos nos dedicar à pesquisa e em nos tornarmos nosso próprio guru.

As redes sociais só estão cheias de vazio.