Luana

Sou cara pros anunciantes?

Publicado em 5 de outubro de 2021
Translate: English | Français

Detesto propagandas, publicidades de qualquer tipo, enganações com propósitos de vendas e todo tipo de marketing invasivo que apareça na minha frente.

Outro dia eu estava fazendo uma viagem rápida de carro pro interior e vi um outdoor na estrada com a propaganda do canal de algum youtuber aleatório. E pensei: “Putz, mas nem no meio da estrada estamos livres disso?”

Normalmente sou pouco influenciável (a não ser que eu me permita por alguém que eu verdadeiramente veja agregando algo de valor em minha vida), consumo conteúdos muito selecionados estritamente do meu interesse e evito ao máximo as sugestões dos algoritmos.

Eu enfrento fervorosamente a invasão dos trackers de propagandas na internet desde 2011 mais ou menos. Infelizmente ainda uso alguns serviços do Google e tenho certeza de que as big techs ainda sabem direitinho das minhas preferências em relação a quase tudo na minha vida, então devem saber que o meu clique é caro, já que ele é raro e muito bem pensado.

Outro objetivo meu pra 2022 é evitar ainda mais usar serviços que funcionem a base de algoritmos. Acho que recuperar o nosso próprio gosto, nossas preferências e ser o menos influenciável possível é a próxima tendência.


Este é o meu post de número 5 do #blogtober21