Luana

Thanksgiving

Publicado em 26 de novembro de 2020
Translate: English | Français

Hoje é comemorado o Thanksgiving (Dia de Ação de Graças) nos Estados Unidos e apesar de ser um evento tipicamente americano, aprendi com o passar dos anos a ter esse dia como especial pra agradecer ainda mais tudo o que o ano corrente me proporcionou.

O que eu mais gostaria de agradecer esse ano é por ter pessoas maravilhosas ao meu lado que sempre me apoiam e me amam incondicionalmente. Alline enfrentou comigo 2020 que não foi um ano fácil, me apoiou em vários projetos e com certeza a presença dela foi essencial pra esse ano ter se tornado mais leve e concretizador. Os meus pais apesar de distantes fisicamente, sempre me mantiveram em suas orações e recentemente têm vindo me visitar em São Paulo (eles moram em Brasília) e a presença deles também foi e é essencial pra me manter centrada e buscando novos desafios pessoais. Os meus gatinhos (Ed, Udy e Puma) também são muito queridos e essenciais pra me manter feliz e em ação.

Também agradeço por ter conseguido nesse ano aproveitar bem cada período no qual foquei bastante no aprendizado, leitura, montei um novo computador do zero, conheci a Nova Acrópole Brasil e os ensinamentos preciosos da professora Lúcia Helena Galvão, iniciei a minha jornada pessoal em busca do autoconhecimento e da espiritualidade, fiz vários cursos no Udemy, ganhei ânimo pra iniciar novos projetos em 2021, fiz pequenas mas significativas mudanças e melhorias na minha casa e estou muito animada de um modo geral por estar superando 2020 com sensatez, equilíbrio e otimismo.

E algo muito importante que comecei a sentir mas comentarei em um outro post, é que passei a olhar pros acontecimentos políticos com outros olhos, deixando de lado o rancor e o ódio pra ter a iniciativa de ajudar a movimentar o pêndulo do país. Estou aprendendo bastante com as decisões que tenho tomado e certamente trilharei o caminho pra me tornar mais altruísta, amável e com compaixão por meus semelhantes.

Gratidão e otimismo são as minhas duas palavras pra esse dia.


Este é o meu post de número 52 do desafio #100DaysToOffload – Just. Write.